segunda-feira, 13 de agosto de 2012

Compartilhamento sem fio de conteúdo de TV Paga em residência está prestes a chegar ao Brasil

Texto publicado em: FNDC

Redação
Tele Síntese
Ilustração: Portal R7

O crescimento do mercado de TV paga no Brasil trouxe ao país o consórcio que reúne diversas empresas para o desenvolvimento de um padrão aberto para redes de entretenimento em residências, a Multimidia over Coax Alliance (MoCA), presente na feira da Associação Brasileira de TV por Assinatura (ABTA). A tecnologia MoCA permite que o sinal de TV, que chega às residências por cabo coaxial, seja transmitido para os ambientes sem fios, permitindo o uso do conteúdo em notebooks, tablets e smartphones, além de uma série de outras funcionalidades como gravador (DVR) em multiplos ambientes.

Nos Estados Unidos, onde o MoCa foi criado, a tecnologia foi adotada por praticamente todos os operadores de TV, com exceção de um, explica Charles Cerino, presidente da MoCA. "Colaboração para desenvolvimento de um único padrão tecnologico garante um custo baixo para as operadoras", explica. Segundo ele, o grande diferencial da MoCa, além do baixo custo, é sua confiabilidade e segurança. "Quando um assinante está assistindo um vídeo em alta definição em seu tablet, ele não quer interrupção. Nós podemos garantir isso. Temos um erro de pacote em 100 milhões de pacotes". Agora a entidade discute a adoção do padrão tecnológico com as operadoras presentes na América Latina. "Estamos conversando com todas", diz. De acordo com Cerino, uma operadora de TV a cabo está prestes a adotar a tecnologia e lançar soluções com base nela no Brasil. "Nos disseram que começariam a oferta ainda este mês. Claro que não dirão que é, por exemplo, um DVR MoCA. Usarão sua própria marca", declarou a este noticiário. A tecnologia MoCA pode ser adotada por empresas de DTH, cabo e IPTV.

No Brasil, segundo o presidente do consórcio, uma empresa de cabo deve inaugurar a adoção da plataforma. Com o acirramento da concorrência a partir da nova regulamentação pelo Serviço de Acesso Condicionado (SeAC) e em que a programação já não garante diferencial, soluções que ampliam a experiência do usuário podem garantir a fidelidade do assinante. É nisto que acredita os representantes do consórcio. "A integração de produtos com tecnologia MoCA faz com que o operador de serviço se mantenha competitivo, ao oferecer uma série de serviços de alto valor como DVR multi-ambiente, over-the-top, além de extensão de serviços de internet utilizando o cabo coaxial existente", afirma Cerino.

Nenhum comentário: