quarta-feira, 12 de setembro de 2012

Radiodifusores italianos preparam plataforma OTT para 2013

Texto publicado em: FNDC

Letícia Cordeiro
Tela Viva

A exemplo do que foi feito no Reino Unido, os principais broadcasters da Itália deram início em março aos testes de uma plataforma de vídeo on-demand (VOD) com funcionalidades de catch-up TV a partir do guia eletrônico de programação. O serviço over-the-top (OTT) dos radiodifusores italianos, chamado Tivù On, é uma iniciativa da emissora pública RAI, da Mediaset e da La 7, (canal da Telecom Italia) e deriva da platforma via satélite Tivusat, que distribui gratuitamente os sinais dos radiodifusores onde não há cobertura do sinal digital terrestre.

“Grandes marcas internacionais como Netflix, Amazon, Hulu e outras estão entrando em novos mercados para expandir seus serviços e são uma ameaça para broadcasters e TV por assinatura. Por isso precisamos alavancar nossa força, que é o alcance que temos diariamente”, justifica o head de conteúdo de TV digital terrestre da Mediaset, Angelo Pettazzi, durante painel na IBC 2012 neste sábado, dia 8. Segundo ele, a TV aberta alcança 40 milhões de pessoas na Itália e a ideia com o Tivù On é expandir os serviços também no conceito de segunda tela, com integração a redes sociais, VOD e catch-up da programação. 

“Continuaremos testando o Tivù On em 200 residências até o final do ano e o lançamento comercial do serviço está programado para o ano que vem. Precisamos ter a tecnologia no maior número possível de dispositivos nos domicílios para ter um modelo OTT que nos permita vender publicidade e obter novas receitas com VOD”, diz.

Nenhum comentário: