quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Estudo mostra quem são usuários de tablets

Texto publicado em: FNDC

27/09/2011 |
Redação
Coletiva.net

Maioria é homem, com idade entre 18 e 24 anos, da classe A

Pesquisa realizada em nove mercados brasileiros pela Ipsos revela que o número de pessoas que possuem tablets no país chega a 196 mil – sendo 79 mil deles considerados “super users” de tecnologia, possuindo também notebook e smartphone.

A maior parte dos usuários de tablets é composta por homens jovens, entre 18 e 24 anos, da classe A. Do público pesquisado, 72% possui Ensino Superior. O levantamento foi realizado durante o primeiro semestre de 2011, com pessoas de ambos os sexos, a partir de 13 anos.

Entre os mercados pesquisados, São Paulo é o que tem a maior participação entre os que possuem tablets – 66% –, seguido pelo Rio de Janeiro – 18% –. Os outros mercados pesquisados – Salvador, Belo Horizonte, Brasília, Porto Alegre e Recife – somam, juntos, 16% da distribuição, sem diferenças gritantes entre eles.

Sobre a influência dos meios de comunicação na decisão de compra, para o usuário que possui tablet, a internet é o meio que mais influencia – 66% –, seguida do boca a boca – 41%. A situação se repete com o “super user”: 72% considera a internet o meio mais influenciador e 50% confiam no boca a boca na hora de comprar.

Em outra pesquisa, Ipsos ainda analisou o comportamento da população – a partir de 13 anos – que pretendem adquirir tablets. As frases assinaladas apontam que se trata de um público fiel – “raramente mudo de marca” –, que utiliza marcas de referência e grifes – “costumo usar produtos/marcas que minha mãe usava” e “gosto de comprar roupa de marca” – e influenciador – “as pessoas me pedem conselhos antes de comprar”.

Nenhum comentário: