quarta-feira, 18 de abril de 2012

ENCONTRO SET E TRINTA 2012 – DIA 17 DE ABRIL – TERÇA-FEIRA

Enviado por Assessoria SET

O segundo dia de palestras do SET e Trinta foi bastante movimentado e repleto de participantes madrugadores. Após a abertura do evento feita pelo Emerson Weirich (SET/EBC) e Fred Rheme (SET/RPC), o primeiro palestrante, Armando Ishimaru (LEADER) desenvolveu o tema “O EFEITO DA EXPOSIÇÃO INADEQUADA E VIOLAÇÕES NO GAMUT DE CORES NA QUALIDADE FINAL DA IMAGEM.” Iniciou com uma breve historia sobre a Leader que foi fundada em 1954 e foi a primeira empresa a lançar um waveform em HD-SDI, em 1996, e o primeiro waveform em LCD. Disse, iniciando sua palestra, que a ideia, a principio, é maximizar os benefícios e minimizar os custos. Uma das minimizações dos equipamentos da Lider foi na faixa dinâmica, através da introdução de equipamentos especificamente elaborados, como e o exemplo dos avaliadores de Lip sync e de Loudness.

Disse que ficaríamos surpresos com a forma como as imagens são maltratadas e espremidas através do éter (ou cabo ou satélite) no trajeto aos aparelhos de televisão. Da produção à pós-produção, distribuição e transmissão/recepção, o sinal digital degrada-se em bits de resolução - não devido a ruído, mas sim, por causa das limitações do meio de transmissão final. A falta de detalhes nas áreas de sombra resulta em um terrível vídeo, uma vez que a redução de bits e compressão MPEG é aplicada. Como resultado, a menos que as técnicas de produção sejam perfeitas, poderá haver efeitos debilitantes sobre o que o público assistirá.

A solução seria com bases em: (a) Educar o operador quanto aos possíveis ajustes em suas áreas e (b) Criar instrumentos fáceis de usar e intuitivos. Torna-se essencial o uso de instrumentos de teste para cada parte da cadeia, partindo dos receptores ISDB-TB dos sintonizadores de TV até o apoio as operações de estúdio, com características específicas de operação amigáveis, criadas com os engenheiros e operadores em mente - mais fácil de entender e realizar ajustes para entregar um vídeo perfeito...

Em seguida, foi a vez de Leonel da Luz (Harris) falar sobre as “TENDÊNCIAS PARA INTEGRAÇÃO DE EDIÇÃO E GERENCIAMENTO DE CONTEÚDO EM AMBIENTE JORNALÍSTICO.
A produção diária de um telejornal necessita de aplicações e tecnologias que permitam a produção e exibição de matérias de forma rápida e eficiente. Os sistemas de gerenciamento de conteúdo digital apoiam essas operações atuando dentro de vários workflows em ambiente multimídia e multiplataforma. A evolução do sistema deve ser garantida por uma solução flexível, integrável e escalável. Apresentaremos as tendências da junção entre edição e gerenciamento de conteúdo em ambiente de telejornalismo digital.
Leonel dissertou sobre os desafios para a produção de conteúdo jornalístico, suas necessidades, o envolvimento das equipes de trabalho, os processos manuais repetitivos, as necessidades de reutilização de material, a necessidade federativa e a gestão de direitos dos usuários.

Falou também sobre a importância da integração entre edição e gerenciamento de conteúdo e como qualificar uma integração, considerando o próprio conteúdo, o nível (linguagens e processos de baixo ou alto nível), a direcionalidade do processo (bi ou unidirecional) e a temporabilidade (tempo real ou lote). Falou sobre as aplicações que formam sistemas de edição e o gerenciamento de conteúdo, todos integrados ao SOA (Service Oriented Architecture).

Terminada a segunda palestra, Raymundo Barros (SET/TV Globo), como moderador, deu início ao primeiro Fórum de Tecnologia do SET e Trinta 2012. O tema foi “ALÉM DO HDTV: QUAL A PRÓXIMA ATRAÇÃO?” COMO E QUANDO ESSA TV DE NOVA GERAÇÃO CHEGARÁ À NOSSA CASA? Os palestrantes Hans Hoffmann (EBU), Hugo Gaggioni (Sony), Larry Thorpe (Canon) e Yoshiaki Shishikui (NHK) desenvolveram o tema.

A evolução da TV não acaba no HTVD. As tecnologias 4K de câmeras e projetores já dominam a produção do cinema. Monitores 4K foram apresentados na CES2012 e alguns broadcasters já começam a realizar testes e demonstrações nessa tecnologia. As pesquisas do UHDTV continuam no Japão com o objetivo de se tornar a TV dos japoneses em na próxima década. Qual o status dessas tecnologias no mundo?

O painel foi iniciado com a palestra de Hans Hoffmann (EBU) que definiu características, definições do HDTV e parâmetros técnicos do HD. O segundo palestrante, Hugo Gaggioni, se ateve mais nas diferenças tecnológicas dos equipamentos destinados ao 2K e ao 4K, exibindo a evolução das cameras e das estruturas dos sensores de imagem. O terceiro palestrante, Yoshiaki Shishikui (NHK), fez um retrospecto sobre o sistema UHDTV que a estatal japonesa vem desenvolvendo ha alguns anos. Mostrou a evolução dos equipamentos como as cameras, os projetores, os gravadores, os sistemas de áudio e os transmissores, todos eles já entre a terceira e quarta geração tecnológica.

A quarta e ultima palestra do dia ficou por conta do Larry Thorpe (Canon)que enfatizou os aspectos relacionados com as cameras e lentes, mostrando um breve histórico sobre suas evoluções, os sistemas de cores e sua significância para os sistemas atuais de televisão.
Ao final do ciclo, Raymundo abriu uma rápida sessão de perguntas, pois o tempo já estava bem avançado.

Ao final, a festa dos sorteios de presentes oferecidos pelas empresas patrocinadoras do evento.

PALESTRAS DO BRASILEIRO RICARDO SCALAMANDRE DO NABSHOW 2012
Amanhã, quarta-feira, dia 18, das 11:30 às 12:30 no Content Theater (SU Exhibit Hall), o brasileiro Ricardo Scalamandre (TV Globo) estará participando do painel “Tendências de TV: Novas Telenovelas.
Originárias da América Latina, as telenovelas são os gêneros mais rápidos de dramas do mundo. Enquanto as mais populares continuem sendo produzidas na América Latina, elas estão sendo agora produzidas também em vários outros países, incluindo Israel, Jordania, Coreia do Sul, Romenia e Espanha. Muitas telenovelas têm mais de 500 capítulos. Você verá um preview de novas telenovelas e entender o que inspira tal lealdade de audiência e a crescente demanda desse gênero, além da evolução da distribuição em multiplataformas. O painel terá como moderador Dom Serafini (Video Age International) e como palestrantes, além do brasileiro Ricardo Scalamandre, da TV Globo, Cesar Diaz (Venevision International LLC), Jessica Rodriguez (Univision Communications Inc) e Marcel Vinay (TV Azteca). Esse será um painel “Aberto a todos”, ou seja, gratuito.

DICA DO DAY BY DAY – PALESTRAS GRATUITAS
A dica do Day by Day para amanhã, 18/04, envolve três atividades, sendo uma delas do Teatro de Conteúdo e outras duas da Info Sessions.
Das 10hs00 às 11hs00, no Teatro de Conteúdo (SU Exibit Hall), os palestrantes estarão falando sobre o tema “Broadcasting Beyond Television (Transmitindo além da Televisão). A ideia é mostrar que o conteúdo está sendo criado para um novo tipo de transmissão por criadores de conteúdo e marcas na web, equipamentos móveis e plataformas de jogos. Esses novos formatos contam histórias, vendem produtos e serviços, informam, entretêm, se envolvem e interagem com os consumidores de uma forma que a televisão tradicional não consegue fazer. Estará essa estratégia sedo bem sucedida? Que tipos de conteúdos funcionam melhor? Qual será a próxima tendência no futuro? Venha descobrir assistindo a palestra das 10hs do dia 18 de abril no Teatro de Conteúdo.

Terminando essa palestra, vá correndo ao pavilhão Norte, sala 238 para ver o que é que Simon Swart, da Twentieth Century Fox Home Entertainment tem para contar na sua dissertação sobre “Compaixão na Mídia”. Essa sessão começa as 11 horas e está programada para terminar as 12 horas.

Swart tem aproveitado sua paixão pelo cinema e pela mídia de negócios para trazer histórias positivas e familiares para o mercado mainstream. Segundo Swart, a divisão criou um bem sucedido negócio de distribuição multi-facetado, incluindo uma programação direcionada para uma audiência baseada na fé. “Recentemente, Swart tem obtido sucessos comerciais e da crítica levando “Amish Grace”, “The Chronicles of Narnia”: Voyage of the Dawn Treader”, “Like Dandelion Dust” e “The 5th Quarter” para os lares de todo o pais. Swart irá partilhar as suas observações sobre os desafios criativos e práticos da distribuição de filmes para distribuição mainstream no cenário dinâmico que envolve a mídia atual.

Em seguida, a partir das 13 horas até as 15 horas, na sala S224, uma palestra sobre “ LFTS: Definindo seus vídeos e dados agora e para o futuro”. Saiba como a tecnologia de armazenamento em fitas LTO com o novo sistema LTFS (Linear Tape File System) pode ajudar a economizar custos e tornar a fita mais fácil de ser usada do que nunca. Visualize mais facilmente o conteúdo da fita através das estruturas de diretórios, arraste e solte arquivos e compartilhe conteúdos de vídeo entre de plataformas. Veja e veja porque os executivos de estúdios dizem: é exatamente o que precisávamos! Além disso, ouça diretamente de provedores de soluções LTO; Crossroads, FOR-A, Panasonic, SGL, Storage DNA e XenData sobre como eles usam as tecnologias LTO e LTFS para ajudar a fazer o armazenamento do seu fluxo de trabalho de vídeo e arquivar de uma forma mais fácil e rentável.

LANÇAMENTOS DA B4M NA NAB2012. A AD DIGITAL ESTARÁ LÁ
A AD Digital estará presente na NAB2012 no stand SL6605, da B4M (Building4Media). Nesse local, a B4M vai lançar dois novos produtos: o Fork Xchange Suite e o Fork Shot List Editor. O primeiro é um aplicativo profissional de web que capacita as emissoras de um modo rápido e fácil de trabalhar juntas em um meio ambiente colaborativo. A plataforma é integrada totalmente com o servidor de produção FORK e oferece acesso instantâneo com a mídia quando e onde for necessário, em qualquer PC, MAC ou dispositivo IOS. As características incluem capacidade de navegação, adição de metadados e marcadores, desencadeamento de scripts de ação FORK e transferência de mídia para multiplicar servidores de produção remota.
O segundo produto, o Fork Shot List Editor, é um editor rápido e de fácil utilização no módulo de edição FORK. Sua interface permite que o editor comece a fazer a edição dentro de minutos usando materiais como clipes e subclipes, com múltiplas taxas de quadros e marcadores a partir da interface de gerenciamento de mídia ativo. A lista e o editor podem terminar novos clipes com rapidez, de forma que eles possam estar prontos para ir ao ar imediatamente.

A Primestream, empresa representada pela AD Digital no Brasil, oferece soluções broadcast de TI para emissoras que constituem uma plataforma de ponta a ponta mais simples para aquisição digital de conteúdo ao vivo e baseado em arquivos, gerenciamento de mídia de arquivos, edição, on-air gráficos, registro, reprodução de salas de controle, smartphones e contribuição de vídeo comprimido, Multi-telas ao vivo e sob demanda de serviços de streaming, publicação em sites de mídia social, e arquivamento dinâmico. O portfólio da empresa inclui o software FORK Suite™ de aplicações, bem como ControlStation™, CGX™, e Primestream Media Library™ (PML). Comprovada e em uso por mais de 300 operações de transmissão em 40 países, as soluções Primestream permitem aos usuários produzir um melhor conteúdo e mais rápido, a cada dia. Na NAB2012, a Primestream estará estreando o FORK Xchange Suite e fará também uma demonstração do reforçado nível de integração FORK com o Adobe Premiere Pro no Windows e MAC OS X.

Nenhum comentário: